Documentos da Igreja - Encontro 01

Escola de Formação Santo Agostinho da Paróquia Cristo Rei – Diocese de Blumenau.

A Escola de formação Santo Agostinho visa o estudo e aprofundamento dos documentos da Igreja, buscando um conhecimento e discussão dos mesmos entre os membros das mais diversas pastorais e movimentos da Paróquia e aberto a toda a comunidade interessada em conhecer as deliberações e ensinamentos atualizados sobre a doutrina e posições da Igreja quanto ao momento histórico presente.

Os encontros serão desenvolvidos semanalmente às quartas-feiras, a partir do dia 02/04/2014, das 20h00 às 21h30 na própria Paróquia.

Temos como proposta de estudos para o ano de 2014:

1 – Campanha da Fraternidade 2014.

2 – Documento de Aparecida.

3 - A trilogia: Deus Caritas Est, Spe Salvi

Caritas in Veritate do Papa Bento XVI

Lumen Fidei, iniciada por Bento XVI e terminada pelo Papa Francisco

4 – A Exortação Apostólica – Evangelii Gaudium do Papa Francisco.


Por que escola Santo Agostinho?

“O desejo de saber o que havia de aceitar como verdadeiro roía tanto mais fortemente o meu interior quanto mais me envergonhava de ter sido iludido e enganado durante tanto tempo com a promessa da certeza, e de ter, com erro e entusiasmo pueril, palrado tanto de inúmeras coisas incertas, como se fossem verdadeiras. O certo é que, sendo elas assim, considerei-as outrora como irrefutáveis, quando em cegos debates acusava a vossa Igreja Católica. Embora não estivesse ainda convencido de que ela ensinasse a verdade, sabia, contudo, ao certo que não ensinava aquilo de que a acusava”.

“Em seguida aconselhado a voltar a mim mesmo, recolhi-me ao coração, conduzido por Vós. […] Entrei, e, com aquela vista da minha alma, vi, acima dos meus olhos interiores e acima do meu espírito, a Luz imutável. […] Quem conhece a Verdade conhece a Luz Imutável, e quem a conhece a Eternidade. O amor conhece-a! Ó Verdade eterna, Amor verdadeiro, Eternidade adorável! Vós sois o meu Deus”.

Confissões, Santo Agostinho 397/401.

“Não aprendemos pelas palavras que repercutem exteriormente, mas pela verdade que ensina interiormente”.

De Magistro, Santo Agostinho.


Um pouco sobre Santo Agostinho.

Agostinho é uma das figuras mais importantes no desenvolvimento do cristianismo no Ocidente. Em seus primeiros anos, Agostinho foi fortemente influenciado pelo maniqueísmo e pelo neoplatonismo de Plotino, mas depois de se tornar cristão (387), ele desenvolveu a sua própria abordagem sobre filosofia e teologia e uma variedade de métodos e perspectivas diferentes. Ele aprofundou o conceito de pecado original dos padres anteriores e, quando o Império Romano do Ocidente começou a desintegrar-se, desenvolveu o conceito de Igreja como a cidade espiritual de Deus (num livro de mesmo nome), distinta da cidade material do homem. Seu pensamento influenciou profundamente a visão do homem medieval. A Igreja se identificou com o conceito de "Cidade de Deus" de Agostinho, e também a comunidade que era devota de Deus.

Na Igreja Católica e na Igreja Anglicana é considerado santo, e importante Doutor da Igreja, e o patrono da ordem religiosa agostiniana. Muitos protestantes especialmente os calvinistas mas também os luteranos (basta recordar que Martinho Lutero era inicialmente um sacerdote católico agostiniano), consideram-no como um dos pais teólogos da Reforma Protestante ensinando a salvação e a graça divina.

Na Igreja Ortodoxa Oriental ele é louvado, e seu dia festivo é celebrado em 15 de junho, apesar de uma minoria ser da opinião que ele é um herege, principalmente por causa de suas mensagens sobre o que se tornou conhecido como a cláusula filioque. Entre os ortodoxos é chamado de "Agostinho Abençoado", ou "Santo Agostinho, o Abençoado".


Campanha da Fraternidade



Comments